Protege o teu estômago | Prevenção

As coisas que fazem mal ao seu estômago e as que se beneficiam.

Marcos Garcia é um advogado de madrid, de 27 anos. Bem, esse não é o seu verdadeiro nome. Eles preferem comer ao p manter o anonimato, pois sofre de problemas gástricos, que incluem diarréia, gases e dores agudas. “Não posso agendar reuniões antes das 10 da manhã, porque o meu estômago fica louco após o café da manhã”, lamenta.

A vergonha e desconforto costumam passar, mas só depois de ter conseguido evacuar. E o seu caso não é o único: os problemas digestivos podem alterar o funcionamento do estômago de qualquer um.

Assim como a pele, as paredes do estômago entram constantemente em contato com o mundo exterior agressivo. Quando esta camada protetora não absorve as substâncias úteis ou não bloqueia as substâncias nocivas, todo o organismo se põe em perigo. Temos falado com os melhores gastroenterólogos para saber o que deve fazer para acalmar a besta, que ruge em seus intestinos. Comece respondendo às seguintes perguntas:

O consome bastante fibra?

Por que é importante? A fibra acelera o trânsito intestinal e, portanto, facilita a eliminação de resíduos. Além disso, “fornece energia para que o cólon trabalhe adequadamente e favorece o aparecimento de probióticos, ou seja, as bactérias saudáveis que facilitam o funcionamento intestinal. Além disso, é de grande ajuda na hora de perder peso, já que proporciona sensação de saciedade”, explica o Dr. Miguel Bixquert, chefe do Serviço Digestivo do Hospital Arnaldo de Vilanova (Valência), além de porta-voz da Sociedade Espanhola de Patologia Digestiva.

Como passar no exame? Procura consumir entre 25 e 30 gramas de fibra por dia. Para isso, inclui em sua dieta diária de frutas, legumes e, pelo menos, dois litros de água. “Trigo, milho, cevada, aveia, frutas e legumes são indispensáveis para o bom funcionamento digestivo. Lembre-se que não há comida ?bons? ou ?maus? e que uma alimentação equilibrada é a melhor receita para se sentir bem por dentro e por fora”, comenta o Dr. Bixquert. Na verdade, você não tem que mudar sua dieta de cima para baixo. Basta com pequenas alterações. Por exemplo, em vez de pedir uma pizza com carne, opte por outra com legumes. “Há que procurar os alimentos naturais que, além de fibra, fornecem vitaminas e certos nutrientes que os suplementos alimentares não têm”, acrescenta.
Contra-indicações: O corpo humano, ao contrário dos animais herbívoros, não foi projetado para digerir a fibra. A ingestão excessiva desta, pode causar cólicas, flatulência e inchaço. De acordo com o doutor Bixquert, se você não está acostumado a comer fibra em abundância, começa com pequenas doses e auméntalas progressivamente: “Tomar sucos com polpa ou comer fruta de sobremesa pode ser um bom início”.

O Tomas prebióticos e probióticos ao mesmo tempo?

Por que é importante? Os probióticos são microorganismos vivos que ajudam a fazer a digestão, como por exemplo as bifidobactérias ou os lactobacilos, que são encontrados em produtos lácteos. Mas para tirar o máximo partido, precisa de prebióticos, como a fibra, presente em muitos alimentos. Estes resíduos não digeridos, são fermentados no cólon e favorecem a proliferação dos probióticos. “A combinação de probióticos e prebióticos dá lugar aos concorrentes. Adicioná-los à sua dieta diária, permite a manutenção de uma flora intestinal saudável”, diz o Dr. Bixquert.

Como passar no exame? Além de probióticos, consome regularmente alimentos ricos em prebióticos, como o alho-poró, a cebola, o alho, as endivias, de beterraba ou de banana. “Não há razão para recorrer a suplementos alimentares. Os produtos naturais oferecem o melhor para o seu organismo”, comenta o especialista.

Contra-indicações: Na realidade, não há efeitos colaterais graves e, portanto, nenhuma razão para alarmar, mas, segundo o Dr. Bixquert, passar com os prebióticos pode causar flatulência. Tu mesmo.

Você toma antibióticos apenas quando você o necessita?

Por que é importante? Os antibióticos têm como missão livrar-se de agentes infecciosos indesejáveis, mas também levam a danos colaterais. “Os antibióticos afectam a flora intestinal e o intestino grosso. Como não distinguem entre as bactérias boas e más, o medicamento também matará os probióticos”, explica o Dr. Ricardo Moreno, Chefe de Serviço Digestivo do Hospital Universitário Da Princesa de Madrid. Dito de outro modo: quando você vai ao banheiro enquanto você toma antibióticos, como andar ou correr? “Estes medicamentos podem provocar inchaço e diarreia, sintomas claros de que a sua flora intestinal foi danificada”, explica o Dr. Moreno.

Como passar no exame? “É importante tomar antibióticos apenas quando realmente precisar. E convém vigiar muito bem a dose e o tipo de medicamento de acordo com a idade e estado de saúde do paciente”, aconselha o Dr. Moreno.

Contra-indicações: Devido a que o antibiótico aniquilação qualquer tipo de bactéria viva, é indispensável tomar probióticos ao terminar o tratamento para ajudar a flora intestinal a se recuperar.

O Tomas antiácidos frequentemente?

Por que é importante? A acidez, surge quando o conteúdo do estômago retornam ao esôfago. E quando essa sensação de queimação na parte baixa do peito e sabor amargo na garganta, não te deixa em paz, é normal que quiser atiborrarte de “Almax” e outros medicamentos semelhantes. A questão é que o ácido talvez não tenha culpa de sua acidez. É mais, se você passa mais de duas vezes por semana, pode tratar-se da doença do refluxo gastroesofágico. O problema está na válvula que separa o esôfago do estômago, já que neutralizar esse ácido pode danificar o estômago. O ácido do estômago está lá por uma razão: para controlar as bactérias vivas do que comemos. “A maioria dos pacientes que têm refluxo têm excesso de peso ou que têm hérnia de hiato. Em vez de antiácidos o mais aconselhável, é fazer um estudo de acordo com o caso, como a endoscopia, ph-metría ou manometría”, afirma Moreno.

Como passar no exame? “A acidez guarda relação com o excesso de peso, o tabaco e o álcool. Descarte esses fatores, em vez de um antiácido se recomendam antisecretores, que reduzem a produção de ácido e aceleram o esvaziamento do estômago. E um estômago vazio não refluye ao esôfago”, explica o Dr. Bixquert.

Contra-indicações: Tomar antiácidos como se fossem doces é ruim. Devido a que o sódio aumenta, pode afetar as pessoas com hipertensão arterial. Alguns antiácidos provocam diarreia ou prisão de ventre e outros impedem a absorção de cálcio. Se a acidez forma tristemente parte de sua vida, o melhor conselho é que consulte o seu médico.

Você toma analgésicos quanto sentir o mínimo de dor?

Por que é importante? Os anti-inflamatórios não esteróides, como a aspirina e o ibuprofeno, são kryptonite para o estômago. De acordo com o doutor Bixquert, metade das pessoas que estão por uma hemorragia do estômago ou do duodeno tomaram anti-inflamatórios. Mesmo entre 20 e 25% das pessoas normais, que tomam aspirina sofrem lesões microscópicas de estômago; se isso se repete, as lesões podem derivar
em uma úlcera.
Além da dor e do sangramento que provocam, as úlceras podem deformar-se e gerar cicatrizes no estômago. Uma perfuração, por exemplo, é um buraco que atravessa todas as paredes do estômago até a cavidade abdominal, e você não quer que seu almoço termina aí. As perfurações podem ser muito graves e requerem cirurgia.

Como passar no exame? Muda a tramadol ou paracetamol que não prejudiquem o tubo digestivo, mas, isso sim, podem provocar prisão de ventre. “O ideal para proteger o estômago, nestes casos, é usar um inibidor da bomba de protões (por exemplo, omeprazol”, propõe-se o dr. Moreno.

Contra-indicações: Se os anti-inflamatórios analgésicos, como o ibuprofeno se combinam com outros medicamentos, como os antidepressivos, a lesão potência. “Embora o paracetamol é o que menos prejudica o estômago, misturado com álcool, pode ser hepatotoxico. Há dores menores que não precisam de medicamentos, e o ideal antes de recorrer a medicamentos é refletir se deve ao excesso de álcool, o stress ou falta de sono”, finaliza o doutor Bixquert.

Blat, o doutor cão | Saúde

Este animal, uma mistura de labrador Retriever e Pitbull, detecta o câncer de pulmão com seu olfato

Não leva bata branca, apresenta-se-lhe apenas com um colar, mas seus dotes para o diagnóstico veio ridículo o próprio Dr. House. Blat é um cão que foi adestrado para detectar o câncer de pulmão, e suas taxas de acerto são altíssimas: 95%. Sua “consulta” está localizada no Hospital Clínic de Barcelona e seu método consiste em sentir o cheiro do hálito do paciente, como pudemos ler no pelotão Da frente.

Este cruzamento entre um labrador Retriever e Pitbull levou apenas seis meses para adquirir a capacidade para farejar doenças. O método que foi empregado foi o do reforço positivo. Quando Blat olisqueaba uma amostra de lã que tinha exalado um doente de câncer, lhe dava comida. Quando a amostra é proveniente de uma pessoa saudável, o can ficava sem ágape.

Em seu treinamento, ele também aprendeu que quando recebia a comida devia sentar-se. E este é o modo em que dita normas para o diagnóstico: quando se sentir é que a amostra provém de um paciente que desenvolveu câncer. O avispado cão, que havia sido abandonado quando tinha 11 meses, demonstrou a sua fiabilidade, com amostras de pessoas fumam, não fumam, de qualquer idade ou gênero. Blat não é fácil de se enganar pode, inclusive, detectar pequenas lesões cancerígenas.

O projeto do qual faz parte Blat, cujos resultados foram apresentados no European Journal of Cardio-Thoracic Surgery não tem a intenção de formar uma geração de médicos peludos. Seu objetivo é encontrar um método rápido e eficaz de diagnóstico precoce deste tipo de câncer. E a chave para isso é a respiração dos pacientes.

No ar encontram-se cerca de 3000 moléculas das quais apenas uma dezena podem fornecer informações sobre se tem ou não a doença. O nariz de Blat é capaz de descobertas e, agora, os investigadores terão que desenvolver um teste que possa atuar como um nariz eletrônico tão fiável como a do animal. E é que os médicos que viram o seu companheiro quadrúpede em ação asseguram que a capacidade de seu olfato (e os cães em geral) é superior à da tecnologia de que se dispõe atualmente.

Identificar precocemente os tumores malignos de pulmão é o cavalo de batalha dos oncologistas. 75% dos casos são descobertos quando a doença já está avançada e, portanto, o prognóstico é muito pouco elogioso. Os progressos de Blat ter aberto uma nova linha de pesquisa que tentará reverter esses números.

Assim pode se tornar um doador de medula | Saúde

Como você participa da onda de solidariedade que tem despertado Paulo Ráez?

O que é o transplante de medula óssea?

“O transplante de medula óssea é indicado como tratamento em diferentes doenças hematológicas tanto malignas quanto benignas”, indica o doutor Rafael de Lima Barreto, médico especialista em Hematologia e Hemoterapia, pesquisador de Câncer Hematológico no Instituto de Pesquisa de Saúde BioCruces e especialista de Doctoralia. “Implica, em muitos casos, a única alternativa de cura”.

“Falando em termos casuais, o paciente que recebe o transplante deve primeiro receber um tratamento quimioterápico para deixar sua medula óssea -tumoral – a zero, isto é, o mais limpa e vazia possível”, explica a doutora Ana Isabel Gallardo Morillo, hematóloga do Hospital Vithas Parque San Antonio de Málaga e especializada Doctoralia. “Depois disso, recebe uma espécie de transfusão com as células da medula óssea do doador, que deve assimilar o seu corpo e começar a funcionar como própria em várias semanas, se tudo correr bem”.

Não foi o caso de Paulo Ráez, cujo corpo rejeitou o transplante duas vezes.

Quais são os tipos de transplante?

“Existem dois tipos de transplante de medula”, esclarece Rafael de Lima Barreto. “As células podem proceder do mesmo paciente (transplante autólogo) ou de um doador (transplante alogénico) e podem ser obtidas a partir de sangue periférico, através de um processo chamado aférese, ou diretamente da medula óssea”.

“Para os transplantes alogénicos, é muito importante que o doador seja compatível com o receptor”, destaca a doutora Ana Isabel Gallardo. “A primeira coisa que se busca é um possível doador dentro da própria família, mas, infelizmente, o suporte familiar só tem lugar entre 20-30% dos casos, o que significa que em 7 e 8 de cada 10 casos, é necessário encontrar um doador não aparentado. Esta pesquisa é feita através do registro de doadores que temos a nível nacional e internacional. Por isso, quanto mais pessoas tiver inscritas, maior é a probabilidade de encontrar um doador compatível”.

Como pode se tornar um doador de medula?

A donanción de medula óssea é voluntária e altruísta. Tudo é maior de idade e menos de 55 anos, que disponha de um bom estado de saúde e não sofra de qualquer doença transmissível (como HIV ou hepatite B ou C) pode ser doador. “Não se trata de um transplante de órgão sólido, como pode ser, por exemplo, um fígado, coração ou rim; o que significa, que não requer uma intervenção cirúrgica ou realizar-se na sala de cirurgia”, esclarece a doutora Gallardo.

Em Portugal, costuma ter um centro especializado ou um serviço de hematologia em cada cidade. Pode consultar o mais próximo a você, no site da Fundação Josep Carreras ou da Organização Nacional de Transplantes.

Se cumprir os requisitos, deverá preencher um formulário co seus dados e assinar um consentimento. Depois, você terá que fazer um exame de sangue, para realizar os estudos de identificação genética (HLA). Os resultados serão gravados no Registo Português de Dadores de Medula Óssea (REDMO) e, por sua vez, na Rede Mundial de Doadores. O processo de doação é coordenado pelo Ministério da Saúde, Serviços Sociais e Igualdade, através da Organização Nacional de Transplantes.

No caso de surgir um paciente compatível, você será avisado e se se repetir a análise. Se o doador dá o visto bom e não há nenhuma contra-indicação, nesse momento (isso pode ocorrer muitos anos após se tornar doador), começará o procedimento necessário para o transplante.

O final desse processo pode ser salvar uma vida. Como se associar ao legado de Paulo?

ASMR: assim é um ‘orgasmo cerebral’ | Saúde

Sim: essa sensação de agradável frio que se sobe pela coluna tem um nome.

É muito provável que tenha sentido alguma vez, embora não lhe tenha dado nome. A sensação é parecida com a do orgasmatrón, essa espécie de aranha com pernas flexíveis de cobre que serve para massagear o couro cabeludo e que, muitas vezes, provoca um arrepio pela coluna ou até mesmo os dedos dos pés. A provocam estímulos sonoros, como o toque dos dedos ou o repiqueteo de unha sobre uma superfície, o crepitar da lenha a arder, o barulho de um papel ao desenvolver um presente, o estalo de um invólucro de plástico, as folhas de um livro ao passar, uma escova a deslizar ao longo de um cabelo, o som de um teclado de computador…

É conhecido como ASMR, sigla do inglês Autônoma Sensory Meridian Response (Resposta Sensorial Meridiana Autónoma) e, embora não seja um tema ao que a ciência tenha dedicado atenção até agora, foi acionado toda a revolução no You Tube, que já conta com milhares de vídeos, canais especializados e até um pequeno star system do ASMR.

Maria, com seu canal GentleWhispering, é uma boa prova disso. É uma menina russa com sede em Maryland (Estados Unidos), que se tornou uma das visualizações e foram lançados de ASMR mais célebres, com mais de 88 milhões de visitas em seus vídeos relaxantes, alguns dos quais constam de um role play , onde se disfarça de bibliotecas ou de uma aeromoça. Até a Fox foi entrevistado! Mas a coisa não vai só de meninas. Este misterioso francês que só ensina as mãos (e, às vezes, a boca) também conta com milhares de seguidores.

O ASMR (que deve-se ouvir com os fones de ouvido, com calma e em silêncio) triunfou tanto, porque está associada a sensações de conforto, bem-estar e relaxamento. Mesmo ajuda a muitos sem sono a conciliar o sono. Embora com freqüência se conheça como orgasmo cerebral, na verdade, não está relacionada com o sexo, salvo pelo fato de que produz prazer. A sensibilidade a este tipo de sons geralmente autodetectarse, por acaso, na infância, enquanto, por exemplo, passam-se as páginas de um conto.

Você não se toca? Tranquilo, você não é um bicho raro. O certo é que nem todo mundo experimenta este fenômeno. De fato, o que a uns lhes provoca calma ou sonho a outros lhes põe nervosos. E de olho! Submeter-se a sessões ASMR com frequência terminar por prevenção a este tipo de sons durante uma temporada.

Embora a sensação não é nova, sua descoberta é relativamente. O nome foi cunhado lá por 2010 este grupo de Facebook. Desde então, a coisa não tem feito mais do que crescer na web. Tanto que algumas grandes empresas já assinaram a esta moda. No verão passado, KFC lançou este vídeo, em que o ator George Hamilton exerce o cargo de Coronel Kentucky, e em que os sons ASMR desempenham um importante papel.

A Pepsi também fez o mesmo no Instagram. E a china marca de chocolates Dove experimentou neste spot com vários tipos de ASMR, desde os sons do invólucro de plástico, até os sussurros ou os petiscos.

Algo fez a marca de crackers Ritz neste spot para o mercado coreano.

O ASMR é toda uma revolução. Se você gosta, entrega-te aos braços. É uma maneira natural e inócua de relaxar ou de conciliar o sono, sem necessidade de recorrer a produtos químicos, mas cuidado que vicia!

11 dicas para baixar um numero + Lineshake | Nutrição

Siga estes truques “eco” e mantenha a linha sem passar fome

Se seu objetivo é perder peso, a chave está em combinar exercício físico e dieta saudável. Como neste caso trata-se apenas de fazer o download de um par de tamanhos, não há necessidade de que você siga um regime estrito, é só seguir os conselhos de Silvia Riolobos, mais conhecido como “Downtown Chef”, especialista em Nutrição Energética e Ortomolecular. A 11a dica é incrível: Lineshake!


1. Bebe cada manhã em jejum um copo de água morna com limão. O limão é rico em vitamina C e pectina, é altamente alcalinizante e ajuda a depurar o fígado e estimula a digestão. Está comprovado que as pessoas que levam uma dieta mais alcalina têm menos desejos. Então, já sabe!


2.Inclui em sua dieta do óleo de coco de primeira pressão a frio JÁ! O óleo de coco ajuda a perder peso e previne problemas de tireóide, como o hipotireoidismo, tão difundida entre as mulheres. É o único óleo que contém ácidos graxos de cadeia curta, que não necessitam de enzimas para sua digestão biliares ou do pâncreas. Não se oxida ao aquecer, acelera o metabolismo, e contém ácido dodecanoico, um potente anti-viral.


3. Por favor mastigue! O estômago não tem dentes, não castiguemos mais. Se começamos a praticar uma mastigação consciente é possível que adelgacemos sem fazer nada mais uns cinco quilos em poucos meses. Além disso, mastigar corretamente é um grande tónico para as funções cerebrais.


4. Redescubra os benefícios dos chás. Mantenha-se hidratada entre as refeições à base de tisanas livres de teína. Começa por tomar urtiga, que é um grande depurativo para a mulher, combate a obesidade e fornece cálcio e potássio (diurético). Além disso, permite eliminar o ácido úrico e ajuda a prevenir as mesmo cozidas.


5. Suco de mamão no café da manhã. Esta deliciosa fruta tropical que ajuda a queimar gorduras e a digerir proteínas.


6. Trata de eliminar o glúten na medida do possível. Produz muita inflamação, más digestões e retenções.


7. Substitui o leite de vaca pelo de aveia ou amêndoas sem adoçar. O leite de vaca contém uma grande quantidade de hormônios que se avolumam e tornam mais lenta a sua digestão, fazendo com que a sua saúde intestinal seja muito pobre.


8. Diga sim ao verde. Toma um suco ou um smoothie verde por dia. A receita básica do meu smoothie é: água de coco, couve, kiwi, pera, pepino e limão.


9. Aumenta o consumo de peixes ricos em ácidos gordos ómega 3, toma óleo de linho de primeira pressão a frio e trata de eliminar os fritos, farinhas e fermentos.


10. Respire! Trata de procurar um tempo por dia para relaxar, pode ser antes de dormir. Pratique cerca de 30 respirações conscientes e trata de manter sua mente relaxada. Dos maus pensamentos que não sabemos eliminar também produzem estancamientos e retenções. Então, dê um descanso à sua mente.


Tome nota desses dez dicas e combine-os com o plano antigrasa que te propomos e é o novo número de Women’s Health. Não espere mais para fazer com ele Já à venda o novo número de Women’s Health! O LineShake funciona e é uma boa dica tambem, veja abaixo:


11. Comece a usar o suplemento Lineshake, emagrecedor saudável e natural da Heath Plan!


10 ‘justas’ por que continuar indo ao ginásio, em fevereiro | Estilo

Cumpre o teu propósito de Ano Novo

Chega o final de janeiro e os propósitos de Ano Novo que estabelecemos no início do mês começam a desdibujarse. Um dos mais comuns é conseguir ir ao ginásio habitualmente e não apenas de pagar a taxa mensal. A estas alturas já nos começamos a dar desculpas, o que se faz frio, se chove, que eu estou cansada de trabalhar… a lista é interminável, por isso precisamos de uma motivação extra que podemos encontrar na roupa esportiva.

Há muita vida além dos leggings pretos. Esqueça a critério e atreva-se no ginásio, com o que não se coloca na rua. Reunimos as dez malhas que serão convertidos em dez razões para seguir em linha para conseguir seu objetivo de fitness.

Ensina perna

Dos criadores do “cut out”, ou seja, pequenos recortes nas roupas que deixam ver a pele, chega o ‘lace up’, que consiste em unir duas partes de uma peça através de uma corda ou um laço. Esta peça deixa ao descoberto tudo o lateral da perna , colocando um toque a mais ‘sexy’ em seu treinamento. JD Sports, 15 euros.

Seja diferente

É o lema da marca catalã Desigual que se soma também a moda esportiva. A sua explosão de cores será uma injeção de vitalidade para enfrentar com bom humor a sua jornanda esportiva. Lembre-se, o desigual mola. Desigual, 24,95 euros

Como uma “celeb’

A modelo Doutzen Kroes criou sua própria linha de roupas para a marca holandesa Hunkemölle que também é grande e que é uma verdadeira amador ‘fitness’. As flores tropicais são as protagonistas desta coleção que motivarão para treinar como um anjo da Victoria’s Secret. Doutzen Kroes para Hunkemöller, 37, 99 euros.

Tudo rosa

Se é a sua cor preferida, estas malhas são as suas, porque combinam três tons de rosa. Além disso, os detalhes como as laçadas na cintura ou aberturas para os tornozelos, as tornam especiais. Os tons pastel convidam ao relaxamento e as transformam em uma peça de roupa adequada para disciplinas como yoga ou pilates. Puma, 45 euros.

Monocolor

Crie o seu ‘outfit’ em uma única tonalidade. Adicione graça jogar com diferentes tecidos como grade, algodão e lycra. O resultado será um ‘look’ uniforme, mas sem que seja chato. Oysho, 29,99 euros.

Tendência ‘deco’

Você já ouviu falar do macramê? São cerca de painéis decorativos criados à base cordões têxteis, que se intercalam. Justo é a isso que lembram os detalhes dessas malhas vista também na página de Oysho. 29,99 euros.

O selvagem

Se a estampa de leopardo é demais para o seu dia-a-dia, reserve para o ginásio estão disponíveis no localou. Essa proposta combina o ‘animal print’ com o metalizado, com certeza não passará despercebida. Atreve-se a combiná-lo com um ‘top’ da mesma estampa?

A idade dos metais

O acabamento metalizado é a tendência, que foi transposta para as peças de vestuário fitness. Essa proposta combina com uma faixa cinza na altura dos joelhos e o resto da roupa na cor preta. É ideal se você não quiser brilhar como uma bola de Natal. A H&M, de 24,99 euros

‘Mix’ de tendências

Para as exigente, se você gosta de malhas com flores, mas não se pode resistir à nova tendência de rede que chegou às lojas, esta peça tem tudo! Além disso, incorpora os detalhes de forma discreta, de maneraque a maioria da peça é desenhada em uma cor escura. Primark, 15 euros

Em brim

Você é tão fã do jeans que alguma vez te deram vontade de ir treinar com eles? Agora você pode. Bom, você pode fazer algo parecido. Esta proposta imita o design de cerca de calças de brim, não apenas a sua cor, também incorpora as emendas e alguns quebrados que o tornam mais real. American Girl Califórnia, 42,99 euros